segunda-feira, 5 de julho de 2010

Compartilhando

Olá amigos,

Resolvi fazer um blog para compartilhar um pouco de mim, meus pensamentos, dividir experiências e falar de tudo um pouco. Espero que vocês gostem!!!
Para iniciar, gostaria de dividir com vocês uma reflexão que escrevi e espero que sirva de edificação para todos como foi para mim... Um beijo a vocês...

Estabelecendo Prioridades

Texto base: Lucas 10: 38-42

Olhando para este texto, vejo uma coisa não muito diferente do nosso dia a dia. Parece que posso em alguns momentos até me ver nele.

Como Maria, me vejo ansiosa para ouvir o que Jesus tem a dizer e como Marta aflita querendo servir e receber bem os meus convidados, afinal sou a anfitriã da casa! E como anfitriões, queremos que tudo saia da melhor maneira possível. E no versículo 40 podemos ver que Marta realmente estava dedicada em seu afazeres. Mas não era o suficiente, pelo que posso ver neste texto, parece que ela não estava dando conta do seu trabalho e se incomodou com o fato de Maria não a ajudar. Quantas vezes não somos dessa forma, pensamos: “Já basta tanta coisa que tenho para fazer e ainda por cima quem deveria (ou julgamos que deveria) nos ajudar, não está fazendo nada. Isso nos irrita (pelo menos a mim sim) e muitas vezes podemos até explodir como Marta fez (versículo 40B). E no auge de sua indignação ela se queixa para Jesus que a exorta com paciência (versículo 41-42), Jesus ainda demonstra que o fato de Maria estar sentada o ouvindo, não era algo inútil como Marta assim demonstrou pensar, Jesus exaltou a atitude de Maria dizendo ser esta a melhor parte, mas veja que Jesus não repreendeu a Marta por fazer os preparativos, porém demonstrou que a prioridade dela não era a melhor. Julgo desta forma pois o problema não estava no trabalho de Marta, todos devemos trabalhar e nunca nos acomodarmos nas situações, todos temos responsabilidades em nosso dia a dia e devemos cumprí-las com o máximo de êxito, pois honramos a Deus com um trabalho bem feito e sem negligenciar as tarefas necessárias de nosso cotidiano, mas devemos estar seguros de que as urgências de nossos tão corridos e atarefados dias não perca as proporções e venha distorcer a nossa vida, pois quando tomamos algo sem tanta importância e fazemos dele o principal em nossa vida (o que sabemos, não é difícil de acontecer) criamos um tropeço para nós mesmos Todos sabemos que os dias parecem estar cada vez menores, com tantas coisas para se fazer, com tantas obrigações a cumprir, tanta urgências seja no trabalho, em casa, na rua. Parece que somos seguidos por essa pressa que assola nossos dias, até mesmo quando vamos dormir já pensamos no que deverá ser feito amanhã.

"Mas o verdadeiro mal de tudo isso é que, enquanto estamos apagando o fogo das urgências, vamos deixando o importante na espera. E mais interessante é que o importante não é barulhento nem exigente. Diferentemente da pressa, ele aguarda paciente e silenciosamente que compreendamos o seu valor.” (Charles Swindoll)

Devemos nos equilibrar entre Marta e Maria, com isso quero dizer que: vivemos aqui na Terra e certamente temos de cuidar de nossa família, do trabalho, dos estudos... Enfim, de uma gama de coisas que nos envolvem diariamente. Mas além de terrenos, somos como um peregrino nesta Terra e sabemos que o nosso lugar é celestial por isso devemos nos Preocupar com nosso relacionamento com Deus. - O que é importante para você? O que você considera prioridade máxima em sua vida? O que realmente importa?

Para que nossa vida esteja equilibrada devemos ter as prioridades certas e só alinhando as nossas às de Deus para nós, veremos que Ele nos capacitará a fazer o que deve ser feito com alegria e satisfação.


“Não deixe o que é urgente tomar em sua vida o lugar do que é importante.” (Charles Swindoll)

11 comentários:

  1. Excelente iniciativa, minha querida, em usar o dom em comunicação e escrita que Deus lhe concedeu a serviço do Reino.

    ResponderExcluir
  2. legal... gostei do texto!!!

    ResponderExcluir
  3. ficou show, Deus continue te abencoando...

    ResponderExcluir
  4. Anna, este é um tema perfeito para se explorar nos nossos dias tão atarefados...
    E quanto ao fato da gente se matar de trabalhar para correr atrás do vento, meditar no Salmo 127 faz muito bem:

    Se o SENHOR Deus não edificar a casa, não adianta nada trabalhar para construí-la. Se o SENHOR não proteger a cidade, não adianta nada os guardas ficarem vigiando.
    Não adianta trabalhar demais para ganhar o pão, levantando cedo e deitando tarde, pois é Deus quem dá o sustento aos que ele ama, mesmo quando estão dormindo.


    Ainda bem, né? :)

    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Eloise Procópio6 de julho de 2010 07:16

    Anna!!!!!!!!!
    Realmente , como já disse a Lucila é um ÓTIMO tema a ser abordado .
    Também gostaria de dizer que isso falou muito comigo. Pois nos perdemos preocupadas com afazeres... e não vemos mais a importância do que REALMENTE deve importar.
    É interessante relembrar que o nosso foco deve ser : UMA MAIOR INTIMIDADE COM DEUS .
    E as vezes nos confundimos pensando em trabalhar e trabalhar, sem conhecer O motivo de nosso trabalho.

    -Deus abençoe mais e mais sua vida .
    E que você como SEMPRE continue sendo este lindo instrumento nas mãos de nosso Deus, e agora ... nas mais tecnológicas formas hahahaha.

    :) abraço

    ResponderExcluir
  6. olá Anna...

    passando pra dizer que o seu espaço é bacana!!!
    expressar as ideias, sentimentos e compartilhar a palavra de Deus é sempre bom!!

    solta o verbo flor... que o Pai tá junto...

    =)beijinho

    ResponderExcluir
  7. Oi queridos,
    Obrigada por todo o carinho e apoio!
    Espero sempre vê-los por aqui comentando e participando!

    Um beijinho da Anna

    ResponderExcluir
  8. AnnA, quero dizer que vc está bela nessa foto!

    ResponderExcluir
  9. Sônia Matos Carnier8 de julho de 2010 08:45

    Minha linda amiguinha...
    Vc está sempre superando as expectativas, vc é uma jovem mulher cheia de qualidades,
    graciosa,inteligente, amável e o mais importante
    comprometida com Deus e seu Reino de amor.
    Amei o texto escrito, é o que penso também, apezar de que muitas vezes devido a pressão sofrida, darmos mais tempo ao que é urgente, mas com a graça de Deus chegaremos lá.
    Te amo querida, vc continua linda...
    Beijos pra vc e um abração pro Felipe

    ResponderExcluir
  10. Vc realmente surpreende em todos os aspectos e agora, me edifica assim também! continue me mandando links de posts..hahaha
    beijo Anna, amo vc.

    ResponderExcluir
  11. Oi Anna!

    Adorei conhecer esse cantinhu!! já estou te seguindo!

    Que o Sr te abençoe muito e muito!

    Bjus

    ResponderExcluir